segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Biografia de Raúl Castro foi o livro mais vendido em Cuba no ano de 2016

Lançamento no Palácio das Convenções do Livro "Raúl Castro, um homem em Revolução".
Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate
Do Diário Liberdade

“Raúl Castro, un hombre en Revolución” [Rául Castro, um homem em Revolução], biografia do atual presidente cubano, foi o livro mais vendido no ano passado em Cuba.

Segundo a televisão estatal cubana, a obra, de autoria do escritor russo Nikolai Leonov, ficou em primeiro lugar na lista dos títulos mais procurados nas livrarias organizada pelo Instituto Cubano do Livro.

Apresentado pela primeira vez na metade de 2015, a biografia só foi lançada editorialmente durante a Feira do Livro de 2016 no país caribenho.

A obra narra a trajetória do ex-guerrilheiro desde seu nascimento, em 1931, até os dias atuais, em seus últimos anos como presidente de Cuba – Raúl deixará o cargo em 2018, quando haverá novas eleições.

Leia mais:
50 verdades sobre Raúl Castro
Raúl Castro, o verdadeiro dissidente
Presidente de Cuba recebe lideranças sociais da América Latina
Raúl Castro: o retorno ao capitalismo em Cuba está descartado

A versão original do livro é em russo. Nikolai Leonov é tenente-general aposentado do Exército da URSS, doutor em Ciências Históricas e professor do Instituto Estatal de Relações Internacionais de Moscou. Amigo pessoal de Raúl Castro, eles se conheceram no México antes de o então guerrilheiro embarcar no Granma em direção à Sierra Maestra.

“Raúl Castro, un hombre en Revolución” conta com mais de oitenta fotografias, algumas inéditas, além de uma cronologia com as datas mais importante da vida do líder cubano, segundo a agência EFE.

Por ser o livro mais vendido do ano, a obra de Leonov conquistou o Grande Prêmio do Leitor 2016 da Feira Internacional do Livro de Havana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário